terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Crackers mostram que grampear celular GSM é mais fácil do que se pensa

Com 30 mil dólares em hardware de computador e algumas ferramentas gratuitas de código aberto, pesquisadores conseguiram quebrar sigilo.

Os celulares que utilizam o modelo de comunicação GSM, usados pela maioria das pessoas no mundo, podem ser grampeados com apenas alguns milhares dólares de hardware e algumas ferramentas gratuitas e com código aberto, segundo pesquisadores de segurança de computadores.

Em uma apresentação realizada nesta semana na Chaos Communication Conference em Berlim, na Alemanha, o pesquisador Karsten Nohl disse ter compilado 2 terabytes de dados que podem ser usados como um tipo de agenda telefônica reversa para identificar a chave de codificação utilizada para preservar o sigilo de conversas ou mensagens de texto em uma linha GSM.

A falha está no algoritmo de codificação usado pela maioria das operadoras. É uma cifra de 64 bits chamada A5/1 e é simplesmente muito fraca, segundo Nohl. Usando as informações dele e empregando antenas, softwares especializados e 30 mil dólares em hardware de computadores para quebrar a cifra, uma pessoa pode violar a codificação em tempo real e ouvir as ligações, segundo Nohl.

Há cerca de 3,5 bilhões de celulares GSM no mundo, o que representa cerca de 80% do mercado móvel, segundo dados da GSM Alliance, associação da indústria que representa fabricantes e operadoras.

Um porta-voz da associação GSM disse que o grupo irá avaliar as descobertas do pesquisador nos próximos dias e alertou que em muitos países o grampo de linhas de celular é ilegal.

A associação afirmou ainda ter desenvolvido um padrão de próxima geração, chamado A5/3, que é considerado muito mais seguro. Esse padrão é utilizado em redes 3G para dar segurança ao tráfego da internet.

(Robert McMillan)

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/seguranca/2009/12/29/crackers-mostram-que-grampear-celular-gsm-e-mais-facil-do-que-se-pensa/

domingo, 6 de dezembro de 2009

Brasil já tem 60 emissoras transmitindo sinais digitais de televisão

A cidade de Londrina é o mais recente município brasileiro a ter transmissões digitais de televisão. Terceira cidade mais populosa do sul do Brasil, Londrina começa a receber os primeiros sinais digitais ainda nesta quarta-feira, 2 de dezembro. O Ministério das Comunicações autorizou, na tarde de terça-feira, o início das operações naquele município. Representantes de quatro emissoras da cidade já poderão proceder às operações dos canais digitais. “Londrina se integra à rede digital fazendo parte do grupo formado por 19 capitais e oito cidades pólo”, comemorou o secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Fernando Lopes de Oliveira. O ministro das Comunicações, Hélio Costa, ficou retido em Belo Horizonte (MG), por causa do mau tempo na capital mineira, e não pode comparecer à cerimônia de assinatura dos termos de consignação, ocorrida em seu gabinete, em Brasília.

A TV Coroados (Sociedade Rádio Emissora Paranaense) é a 60ª emissora brasileira a irradiar sinais digitais em caráter permanente. Agora, em todo o território nacional, a TV Digital já é parte do cotidiano de 51 emissoras distribuídas em 19 capitais e outras oito cidades brasileiras.

Além da TV Coroados, a Televisão Cidade, a Rádio e Televisão OM e a Televisão Londrina receberam o canal digital em cerimônia que contou com a participação do prefeito municipal de Londrina, Homero Barbosa Neto, de parlamentares do Estado, além de representantes de entidades do setor de radiodifusão, como o presidente da Associação Brasileira de Rádio e Televisão (Abert), Daniel Slaviero.

O prefeito Homero Barbosa Neto citou um fato histórico da cidade paranaense na radiodifusão brasileira. “Londrina foi a primeira cidade do interior do Brasil a ter uma emissora de televisão,” lembrou. Ele ressaltou o fator econômico industrial da implantação do sistema digital de televisão na região. “Com a democratização da TV Digital, oportunidades de empregos e investimentos vão fazer girar a roda da economia e conseqüentemente melhorar a qualidade de vida”, completou.

O vice-presidente da Sociedade Rádio Emissora Paranaense, Mariano Lemanski, disse que o início das transmissões digitais em Londrina é motivo de orgulho. “É um momento histórico de revolução da tecnologia da televisão brasileira”, disse.
O empresário Éderson Muffato, da Televisão Londrina, informou que a emissora está em fase de projetos e já adquiriu os equipamentos necessários para iniciar as transmissões digitais. “Temos celeridade e colocar logo no ar o sistema digital,” disse. O empresário Rodrigo Martinez, procurador da Rede e Televisão OM, lembrou que foi em Londrina que emissora iniciou suas operações ainda nos anos 70.

Na cerimônia também foi assinada a consignação para a TV Cidades dos Príncipes, emissora de Joinville (SC). O diretor-presidente da emissora, Marcelo Corrêa Petrelli, disse que a cerimônia demonstra a união do Sul na implantação da TV Digital na região. “Nós tivemos a grande mudança na TV brasileira na Copa do Mundo de 1970, com a televisão colorida. Até então, não tivemos outra mudança significativa a não ser esta, da TV Digital, quase 40 anos depois,” completou.

Com o início das transmissões na cidade paranaense, somam-se agora 27 cidades com TV Digital. Destas, 19 são capitais e oito são cidades pólo: Manaus (AM), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Brasília (DF), Vitória (ES), Goiânia (GO), Belo Horizonte (MG), Uberlândia (MG), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Belém (PA), João Pessoa (PB), Recife (PE), Teresina (PI), Curitiba e Londrina (PR), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Joinville (SC), Aracaju (SE), Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), São Paulo (SP), Santos (SP), São José do Rio Preto (SP) e Sorocaba (SP).

Fonte: www.pantanalnews.com.br/contents.php?CID=42560

Uso de computador ainda é restrito

Apenas 4% das escolas públicas brasileiras têm computador dentro da sala de aula e 89% dos professores não se sentem preparados para usá-los. O cenário foi traçado por uma pesquisa da Fundação Victor Civita em parceria com o Ibope e a Universidade de São Paulo (USP).

O estudo apontou que o número de professores que usam a tecnologia com seus alunos é ainda pequeno e, quando ocorre, acaba sendo com maior frequência no laboratório de informática. Segundo os dados, cerca de 57% dos colégios têm até 20 computadores.

A pesquisa foi feita em uma amostra de 400 escolas, de várias cidades brasileiras. A professora de Música de uma escola de São Leopoldo Áudrea Martins, 35 anos, usou a internet com seus 54 alunos. Segundo ela, com a ajuda de um programa de informática, eles criaram suas próprias composições.

http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default2.jsp?uf=1&local=1&source=a2739515.xml&template=3898.dwt&edition=13658&section=1003

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Google diz que PCs vão iniciar em sete segundos ou menos com Chrome OS

Empresa quer que computadores liguem tão rápido quanto uma TV. Sistema operacional será lançado no final de 2010 em netbooks.

O novo sistema operacional que o Google está projetando vai ligar computadores tão rápido quanto uma televisão, anunciou a companhia de buscas na internet ao demonstrar o Chrome OS.

O Google ofereceu a primeira amostra pública do sistema quatro meses depois de declarar intenção de desenvolver o produto que colocará a empresa em concorrência direta com Microsoft e Apple.

Fiel às origens do Google na Internet, o Chrome OS se parece mais com um navegador do que com um sistema operacional mais tradicional, como o Windows, o que se enquadra à ambição do Google de encaminhar os usuários à internet, onde poderão ver a publicidade que a companhia veicula.

A empresa anunciou que o sistema operacional estará disponível no final do ano que vem em netbooks de baixo custo que atendam às especificações de hardware do Google, como o uso exclusivo de chips de memória, e não discos rígidos mais lentos, para armazenar dados, contrariando o padrão atual.

Os netbooks acionados pelo Chrome OS só poderão usar aplicativos que rodam na wev, e os dados do usuários ficarão automaticamente armazenados na chamada nuvem de servidores de internet, informaram executivos do Google. "Trata-se de uma máquina para navegar na internet", disse Charlene Li, analista do Altimeter Group, em referência ao computador acionado pelo Chrome OS.

Veja mais: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1389053-6174,00.html

sábado, 7 de novembro de 2009

Vendas do Windows 7 superam Vista em 234%

As vendas iniciais do Windows 7, novo sistema operacional da Microsoft, foram 234% maiores que as do Vista nos Estados Unidos, informa uma pesquisa do The NPD Group.

Com a combinação de descontos durante a pré-venda e a falta de promoção para a versão Ultimate, a Microsoft, dizem os analistas, conseguiu um lucro 82% maior do que o obtido na época do lançamento do Windows Vista.

Para o vice-presidente de análise da indústria no NPD, Stephen Baker, o lançamento do Windows 7 pode ser considerado um sucesso e isso se deve ao “programa de baixo custo na pré-venda, marketing de alta visibilidades e acordos agressivos”.

Mas, apesar das vendas das caixas do software terem ascendido de uma versão para outra, o Windows 7 ficou abaixo do Vista quando o assunto é comércio de hardware. Somando os períodos de vendas iniciais e da semana que as antecedem, os “Windows 7 PCs” tiveram uma queda de 6% comparando com o lançamento do Vista.

O declínio, diz Baker, pode ser explicado por um fator simples: a data de lançamento. Em janeiro - quando o Vista foi lançado no varejo dos Estados Unidos, 2006 -, os americanos costumam comprar mais do que em outubro, mês em que saiu o novo SO.

O analista ainda considera outros fatores importantes, como o aumento da venda de computadores com sistemas operacionais antigos durante o período inicial de comercialização do Windows 7.

Quanto ao mundo online, o sucesso da Microsoft parece se repetir. Em outra pesquisa recente, a Net Applications informa que o Windows 7 já faz mais acessos à internet que Linux e Mac OS Snow Leopard juntos.

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Mandriva Linux 2010 está disponível para download

A Mandriva anunciou o lançamento da mais nova versão de sua distribuição Linux, o Mandriva Linux 2010. De codinome “Adelie” (um tipo de pinguim), o sistema tem como destaques vários ambientes destkop (um para cada tipo de usuário), rápido tempo de boot, administração facilitada com o Mandriva Control Center e um conjunto de software atualizado.

Há desktops para todos os gostos: KDE, Gnome, Moblin (para netbooks) e Sugar (originado no projeto OLPC, sob medida para as crianças). O fundo da área de trabalho pode ser trocado automaticamente a cada hora, e há um novo pacote com arte, incluindo 11 papéis de paredes enviados pelos usuários, escolhidos entre mais de 850 participantes.

O sistema foi otimizado para netbooks, com suporte completo a todo o hardware em todos os modelos da família EeePC, e a interface foi ajustada para que nenhuma janela ou opção não caiba nas telas de baixa resolução típicas destes máquinas. O utilitário Mandriva Seed facilita a tarefa de copiar o conteúdo de uma imagem ISO para um pendrive, possibilitando a instalação mesmo em máquinas sem drive óptico.

O pacote de software inclui o navegador Firefox 3.5, o conjunto de aplicativos de escritório OpenOffice.org 3.1.1 e o Media Center Moovida. Também há software sob medida para netbooks, como o ambiente desktop LXDE, leve e cheio de recursos.

O Mandriva 2010 está disponível em várias versões. A “Free Edition” contém apenas software livre e pode ser baixada gratuitamente. Também gratuito é do Mandriva One, um LiveCD instalável disponível em seis versões: duas baseadas no Gnome e quatro baseadas no KDE.

Por fim a “PowerPack Edition”, paga, inclui suporte técnico, codecs para multimídia e aplicativos proprietários como o Flash Player e Skype. Sai por 59 Euros via download, ou 64 Euros em DVD. Mais informações sobre o Mandriva Linux 2010 estão disponíveis no site oficial, em www.mandriva.com


Fonte: http://www.geek.com.br/blogs/832697632/posts/11537-mandriva-linux-2010-esta-disponivel-para-download

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Presidente da Microsoft vê sucesso no Windows 7 e debocha da Apple

No dia do lançamento do Windows 7, nesta quinta-feira (22), o presidente da Microsoft, Steve Ballmer, concedeu uma entrevista ao site Engadget, com transmissão ao vivo pela internet. Durante a conversa, Ballmer falou sobre os novos produtos como a sétima versão do sistema operacional e o Zune HD e tentou alfinetar a Apple o tanto quanto foi possível. Como sempre, o substituto do milionário Bill Gates mostrou-se brincalhão e expansivo.

Quando perguntado sobre o suposto fracasso do Vista, o executivo tentou mudar de assunto. Após tentar justificar que há uma grande base instalada de usuários domésticos e corporativos utilizando o OS, ele acabou entregando que não é um assunto muito confortável e que foi preciso "consertar muita coisa". "Hoje é um grande dia, não precisamos falar mais nisso", desconversou, afirmando que o Windows 7 avulso não deve vender tanto quanto em máquinas novas e em atualizações.

Já sobre sua principal concorrente, o executivo afirmou que apenas 10% dos lares norte-americanos possuem um Mac, apesar dos Estados Unidos serem o maior mercado da Apple. "Gostamos da ideia de alcançar centenas de milhares de pessoas", disse, referindo-se à estratégia agressiva da Microsoft que já sofreu acusações de monopólio. De acordo com o próprio executivo, são 300 milhões de computadores com Windows no mundo, contra 15 milhões de Macs. "Tudo que eu sei é que as pessoas nos escolhem em vez de Mac o tempo todo. Gostamos de competir contra a Apple - eu gosto de derrotá-los", ironiza.

Veja matéria completa:
www.blogger.com/www.band.com.br/jornalismo/tecnologia/conteudo.asp?ID=209057

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Banda larga: acesso por celular já supera modem

No segundo trimestre deste ano a quantidade de acessos móveis por aparelhos celulares, 2,1 milhões, ultrapassou o número de acessos à banda larga móvel por modem, que fechou o trimestre com 1,8 milhão. O dado faz parte do primeiro balanço da banda larga móvel realizado pela fabricante Huawei e pela consultoria Teleco.

O estudo adotou como conceito de banda larga móvel a definição da UIT que estabelece a velocidade mínima de 256 Kbit/s, utilizando tecnologias de 3G e 3,5G, como WCDMA, HSPA, WiMAX ou EVDO.

Segundo as projeções da Teleco, o crescimento da banda larga móvel será superior a 70% até 2014, com mais de 60 milhões de acessos. No primeiro balanço, divulgado hoje, a consultoria indica que no final de junho, os acessos pela banda larga fixa somavam 10,8 milhões e os móveis 4 milhões. A previsão é de que o acesso móvel ultrapasse o fixo no Brasil em 2011, com um atraso de dois anos em relação à média mundial.

No final do segundo trimestre a banda larga móvel estava disponível em 11,3% dos municípios brasileiros, cobrindo 62% da população. O Estado onde há o maior número de municípios com 3G é o Rio de Janeiro, com cobertura em 44,6% dos municípios. Em seguida vem o Espírito Santo, com 29,5%, e São Paulo, com 20,2% dos municípios atendidos com 3G.

Aparelhos

O levantamento constatou que o preço dos aparelhos 3G ainda é uma barreira para a difusão do serviço, principalmente no segmento pré-pago. Enquanto um modem compatível com a tecnologia WCDMA/HSPDA custa R$ 259 (mínimo), o preço médio de um aparelho nessas tecnologias é de R$ 1,503 e o preço máximo R$ 3,999. Um aparelho só compatível com GSM tem preço médio de R$ 544. No pós-pago o preço cai devido ao subsídio da operadora.

O levantamento, que será realizado trimestralmente, vai avaliar a quantidade de acessos e densidades, cobertura, planos de serviço, e preços dos aparelhos e serviços. E será realizado com base nas informações fornecidas pelas operadoras e em estatísticas da Anatel.

Fonte: www.adnews.com.br/telecom.php?id=93401

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Como a voz viaja pela internet?

É cada vez mais frequente utilizar a internet para, literalmente, conversar com outras pessoas, graças a popularização da banda larga. O dinamismo e praticidade desse novo - que já não é tão novo assim - meio de comunicação, conquista mais e mais usuários a cada dia. Basta um computador conectado a internet, um headset (aquele microfone com fone de ouvido), um software instalado no PC e pronto! A conversa é realizada em tempo real, com qualidade de linha telefônica convencional.

Essa tecnologia tem um nome, VoIP, que significa voz sobre IP (Internet Protocol) e é ela quem permite a conversa pela internet, transformando os sinais analógicos de voz em um conjunto de dados digitais para transmissão. O computador receptor transforma esse pacote de informações digitais em informações de voz novamente. Tudo isso em fração de segundos.

Encontramos vários programas que utilizam essa tecnologia como o Skype, Gtalk e o MSN Messenger. Com aplicativos desta natureza instalados no computador, o usuário pode fazer ligações para outras pessoas que também tenham instalado um software compatível, sem qualquer custo adicional - como este software tem 'cara de telefone', é chamado também de Softphone (mistura de software e telefone).

Existem ainda as opções de fazer ligações com VoIP de computador para telefones fixos ou celulares, ou de telefone para telefone.

Na ligação de computador para telefone, a conexão sai do PC, passa pela internet até o servidor e através de um gateway (conversor de sinal que converte os dados e já os entrega à operadora de telefonia convencional), os dados são transformados em voz e encaminhados para o número chamado. Nesse caso, há a tarifação do serviço prestado pela operadora do gateway, mas mesmo assim, os valores são muito menores quando comparados às operadoras tradicionais.

A outra forma de fazer ligações é de telefone para telefone. É necessário que o usuário possua um gateway VoIP, ou ATA - adaptador de telefone analógico -, para fazer a ponte entre o aparelho telefônico comum e a internet, e também, que contrate os serviços de uma empresa VoIP. Tanto o Softphone quanto o ATA possuem a mesma função, ou seja, fazer com que a voz seja transformada num formato que possa trafegar pela internet.

Diferenças

Na telefonia convencional, os aparelhos telefônicos são rigidamente conectados através de fios de cobre que os interligam às centrais telefônicas locais. Estas centrais, por sua vez, são interligadas a outras semelhantes a ela e que formam, assim, uma Rede de Comutação Telefônica. Pela interligação de diversas redes de Comutação, através de sistemas de transmissão, interlocutores são conectados quando o originador da chamada tecla no aparelho telefônico o número do telefone do destino que ele deseja chamar. Uma vez que a ligação seja completada, todo o caminho necessário para conectar os dois interlocutores será dedicado aos mesmos.

Já na telefonia IP, o meio que conecta os interlocutores é a internet, que é um meio compartilhado por diversos outros serviços. Por trafegarem tantas outras coisas e também por não priorizar nenhuma delas, não há a garantia que sempre haverá um meio ideal para trafegar a voz. Dessa forma, se existir no caminho da informação de voz (os chamados pacotes) algo que introduza atrasos ou perdas, certamente fará com que a comunicação perca qualidade.

"A principal vantagem da telefonia IP em relação à telefonia convencional, é a facilidade com que novos serviços e funcionalidades lhe são acrescidos - trazendo aos usuários um significativo ganho de produtividade. As vantagens associadas a menores custos de implantação e manutenção das infraestruturas fazem com que os serviços oferecidos pelas operadoras possuam valores muito atrativos aos usuários finais", informa José Marcelo Fontanesi Gomes, diretor de tecnologia da Voitel - empresa de comunicação multimídia que oferece esse serviço através do seu V-Phone.

Voz robotizada

São diversos os fatores que contribuem para que em alguns casos, a voz pareça "robotizada" e ocorram falhas. Apesar de a internet ser um meio altamente interessante do ponto de vista da telefonia IP, ela não foi construída para essa finalidade. Por ela trafegam vários outros serviços além do VoIP, tais como acessos WWW, trocas de arquivos, trocas de vídeo, etc. A comunicação por voz precisa ser realizada em tempo real, não pode haver perdas nas informações.

Congestionamento

O congestionamento da rede internet geralmente resulta em perda de pacotes. Ele está interligado com a velocidade de banda que você disponibiliza para trafegar os seus pacotes de voz até o destino.

Perda de pacotes

A perda de pacotes é um fator crítico que implica diretamente na qualidade da comunicação (efeito popularmente conhecido como causador da 'metalização'). Considerando que o VoIP é um serviço de áudio que ocorre em tempo real, não existe uma forma de recuperação dos pacotes que forem perdidos na rede durante o seu transporte.

Latência ou Jitter

É definido como sendo a diferença de tempo entre o instante em que um dos interlocutores fala e o outro escuta. A composição desse tempo é primordialmente uma soma dos tempos em que a voz demora a ser digitalizada, empacotada, enviada através da rede de transporte, reconvertida para áudio e ser escutada pelo interlocutor de destino. Por isso pode ocorrer problemas como atrasos de voz, ou pequenos cortes na ligação, gerando uma voz picotada e difícil de entender.

Fonte: www.incorporativa.com.br/mostranews.php?id=2298

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Aneel aprova distribuição de internet e TV por assinatura pela rede de energia

Tomada poderá ligar liquidificador e ser, também, ponto de internet.
Concessionárias terão de criar subsidiárias para entrar no negócio.

A diretoria colegiada da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (25) as regras para o uso da tecnologia conhecida como "Power Line Communications" (PLC) no país - sistema que utiliza a rede de energia elétrica como meio de transporte de sinais de internet, vídeo e voz.

Na prática, o sistema permitirá, assim que implementado, o acesso à internet, ou à TV por assinatura, por meio da rede elétrica - já presente na maior parte das residências do Brasil. "Assim, um ponto de energia pode ser uma tomada para ligar o eletrodoméstico e, simultaneamente, um ponto de rede de dados para a provedora de internet ou TV por assinatura", explicou a Aneel, em nota.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Falhas do Wave podem atrasar sua estreia

Um dos engenheiros-chefe do Google, Lars Rasmussen, revelou que o Google Wave ainda falha em 25% de suas operações.

Rasmussen fez a afirmação ao participar de um evento com parceiros nos Estados Unidos e demonstrar características em desenvolvimento no Wave. Durante algumas operações feitas ao vivo no Wave, o sistema falhou e mostrou mensagens de erros.

A análise de Rasmussen é que a ambiciosa integração de e-mail, mensagem instantânea, rede social e plataforma para executar arquivos de mídia – como áudio, vídeo e edição de fotos – está sendo mais difícil do que o imaginado inicialmente.

Atualmente, o Wave possui seis mil usuários no mundo, todos eles desenvolvedores. Ao longo das próximas semanas, o Google deve ceder contas do Wave para outros 14 mil desenvolvedores terceiros.

A ideia é que a comunidade de programadores crie milhares de widgets e miniaplicativos compatíveis com o Wave, de forma que os usuários do Google possam editar sua conta com quase todos os serviços que utiliza na web.

Para Rasmussen, a principal dificuldade encontrada pelos engenheiros do Wave neste momento é encontrar uma forma de deixar o sistema estável e confiável para a troca de informações entre um número maior de usuários.

O Google prevê ceder 100 mil contas para beta-testers a partir de 30 de setembro deste ano.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/tecnologia-pessoal/falhas-do-wave-podem-atrasar-sua-estreia-31072009-10.shl

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Ubuntu Linux apresenta vulnerabilidades

A Canonical anunciou um update para o kernel para as versões 6.06 LTS, 8.04 LTS, 8.10 e 9.04 de seu sistema operacional Ubuntu.

Ao todo, são quatro patches que devem corrigir falhas de segurança graves nos pacotes do kernel. Segundo a organização, os problemas foram encontradas por diversos hackers que enviaram mensagens avisando sobre as vulnerabilidades.

A recomendação é que os usuários façam o update das distribuições o quanto antes, incluindo as variações Kubuntu, Edubuntu e Xubuntu. Após a instalação, a máquina deverá ser reiniciada para que tudo funcione corretamente.

Entre os problemas, uma falha no driver de rede pode permitir ataques remotos que podem derrubar o sistema ou garantir que o invasor ganhe privilégios de administrador. Apesar de atacarem áreas diferentes, todos os bugs permitem níveis similares de controle do sistema.

Para fazer a correção, os administradores deverão procurar os seguintes pacotes de kernel:

6.06 LTS para linux-image-2.6.15-54.78
8.04 LTS paralinux-image-2.6.24-24.57
8.10 para linux-image-2.6.27-14.37
9.04 para linux-image-2.6.28-14.47

Por questões de compatibilidade, após a instalação dos updates, alguns programas podem não funcionar mais. A empresa ainda avisa que todos os pacotes de terceiros que foram instalados no sistema devem ser recompilados para que tudo volte ao normal.

Saiba o que são máquinas virtuais e como elas ajudam na segurança do PC

Apesar de desconhecidas, é prático criá-las no ambiente doméstico. Alternativa cria ambientes seguros ou de teste de aplicativos; conheça.

Máquinas virtuais ainda são um tanto desconhecidas, mas já é muito prático e rápido criá-las. Com o aumento da memória RAM dos computadores domésticos, máquinas virtuais simples podem ser executadas nos computadores mais baratos de hoje.

Além de permitirem que você execute múltiplos sistemas operacionais, elas podem ser úteis para criar ambientes seguros ou de teste de aplicativos, que o ajudarão a manter seu computador funcionando melhor e livre de programas indesejados.

Esta coluna Segurança para o PC explica o que são e como funcionam as máquinas virtuais, além de como elas estão sendo usadas na análise automatizada de vírus de computador.

O que são máquinas virtuais?

Máquinas virtuais são outros “computadores” que rodam dentro do seu computador. A máquina virtual é criada por um programa que você instala, como qualquer outro. Nesse programa, você cria um disco rígido virtual e poderá executar um sistema a partir deste disco, sem a necessidade de reparticionar o seu disco verdadeiro. A máquina virtual alocará, durante a execução, uma quantidade definida de memória RAM.

Com isso, a máquina virtual permite que você instale um outro sistema operacional. Quer rever (ou ver pela primeira vez) o Windows 3.1? MS-DOS? Quer fazer um 'test drive' em qualquer distribuição Linux sem precisar alterar em nada as partições do seu disco rígido? Tudo isso pode ser facilmente conseguido com as máquinas virtuais, e o sistema aparecerá como uma janela de outro programa qualquer.

Windows 7 crackeado

Ainda não saiu à venda e já é possível instalá-lo com todas suas senhas.

Uma semana depois que a Microsoft entregou aos fabricantes de computadores a versão definitiva de Windows 7 e, por um descuido da Lenovo, alguns usuários já o colocaram em funcionamento com toda a sua capacidade, como se tivessem comprado em uma loja, no próximo dia 22 de outubro que é quando estará à venda.

Não é que o processo seja para todos ospúblicos, mas também não é impossível. O difícil é conseguir a senha e o certificado para autenticar a cópia do sistema operativo, algo que, neste caso, se conseguiu de uma das cópias para fabricantes, as da Lenovo. Como chegou até os "crackers" é o grande mistério do caso.

A versão crackeada não só funciona em computadores da Lenovo como também nos da Dell e HP, mas seguramente que esta lista crescerá rapidamente.

Quem não quiser se atrever com esse truque, sempre pode provar a versão de prova da 'Release Candidate' (RC) - que pode-se baixar até 20 de agosto - ou buscar na 'Release to Manufacturers'(RTM).

Mas já que estamos em agosto, talvez seja melhor esperar...

Fonte: www.guiaglobal.com.br/noticia-windows_7_crackeado-2472

quarta-feira, 29 de julho de 2009

São Paulo transmite filme ultradefinido para o mundo

O cinema em super alta definição, inaugurado no Brasil no Festival Internacional de Linguagem Eletrônica de 2008, aparecerá também no evento deste ano. Pela primeira vez no Hemisfério Sul, um longa captado em 8 milhões de pixels será retransmitido de São Paulo para o exterior. Por fibra ótica, a obra chegará em tempo real nas universidades da Califórnia, nos EUA, e de Keio, no Japão.

Enquanto a Noite Não Chega, o primeiro longa nacional com qualidade quatro vezes superior ao que conhecemos como “alta definição”, foi o escolhido para a exibição. O cineasta, Beto Souza, vê na ultradefinição o “futuro do cinema” como indústria. “Sempre estivemos na frente da TV na qualidade da imagem. Agora que eles têm o HD, o cinema tem de oferecer mais”, disse ele, por telefone.

Pioneira no país, a experiência de transmissão simultânea intercontinental articulou o trabalho de mais de 60 profissionais, segundo a organizadora do projeto, a professora Jane de Almeida, do Mackenzie. “Mesmo nos EUA e Europa, esse tipo de reprodução é raro. Da linha do Equador para baixo, somos os primeiros”, garante. A projeção acontecerá no Teatro do Sesi, na quinta-feira, dia 30, às 19 horas. A entrada é franca.

Fonte: www.estadao.com.br/noticias/tecnologia+link,sao-paulo-transmite-filme-ultradefinido-para-o-mundo,2912,0.shtm

Pesquisa sobre ferramentas para desenvolvimento livre

“Está no ar uma pesquisa para identificar os principais problemas de comunicação que projetos de software livre encontram atualmente.Se você colabora com software livre, por favor, responda a pesquisa disponível em http://www.ime.usp.br/~corbucci/floss-survey.html.

A pesquisa está em inglês para atingir um público maior.Os resultados serão disponibilizados online (em inglês) e na minha dissertação de mestrado (em português) para uso de todos.” [referência: ime.usp.br]

Fonte: http://br-linux.org/2009/pesquisa-sobre-ferramentas-para-desenvolvimento-livre/

Microsoft e Yahoo anunciam parceria em buscas na web

Acordo vai utilizar o Bing para concorrer com o Google. Negociação entre as empresas se arrastava desde 2008.

A Microsoft e o Yahoo anunciaram nesta quarta-feira (29) um acordo para concorrer com o Google em pesquisas na internet, prevendo associar a tecnologia Microsoft à força de venda publicitária do Yahoo. "Como esse acordo, vamos inovar nas buscas, gerar mais valor para os anunciantes e alternativas para o usuário em um mercado dominado por uma única companhia", disse o diretor-executivo da Microsoft, Steve Ballmer, referindo-se à concorrência com o Google.

O acordo prevê que os sites de busca do Yahoo vão utilizar a ferramenta de busca Bing, da Microsoft. O Yahoo, por sua vez, vai administrar as vendas em publicidade on-line. O comunicado oficial afirma que a parceria não vai afetar outros serviços das empresas, como e-mail, comunicadores instantâneos e produtos.

Apostando no BingA parceria que deve ser iniciada em 2010, será válida por 10 anos, com implementação total prevista para um prazo de dois anos após aprovação dos órgãos responsáveis. As empresas também afirmam que o acordo vai limitar ao "mínimo necessário" o compartilhamento de dados de usuários, em nome da privacidade. Com esse acordo, o buscador Bing, da Microsoft, pode ter um crescimento repentino no mercado dominado pelo Google. A gigante da internet é responsável por 65% das buscas realizadas na internet nos Estados Unidos, contra 19,6% do Yahoo e 8,4% da Microsoft, segundo a ComScore. O Yahoo calcula que pode aumentar seu volume de negócio anual em US$ 500 milhões e economizar cerca de US$ 200 milhões em custos.

Em 2008, a Microsoft tentou comprar o Yahoo, mas sua oferta de US$ 47,5 bilhões foi recusada. Na sequência, o líder de buscas na internet, Google, também tentou fechar negócios com o Yahoo, mas o acordo não foi aprovado por órgãos reguladores.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1246837-6174,00-MICROSOFT+E+YAHOO+ANUNCIAM+PARCERIA+EM+BUSCAS+NA+WEB.html

domingo, 12 de julho de 2009

Globo e Record preparam-se para a briga

A Globo e a Record estão fazendo contas muito importantes neste momento: cada uma dessas emissoras tem um time trabalhando para fechar a proposta que farão para tentar levar os direitos de transmissão das Olimpíadas 2016.

O COI fixou a data de 14 de agosto para que as propostas sejam enviadas. No final do mês, representantes do COI vem ao Brasil exclusivamente para fornecer mais detalhes às duas concorrentes.

Espertamente, o COI antecipou o leilão: como há chances reais de o Rio de Janeiro sediar as Olimpíadas, decidiu que as ofertas terão que ser feitas antes de outubro, quando o mundo saberá qual foi a cidade escolhida. Assim, faturará mais.

Globo e Record prometem uma guerra de foice para levar a medalha de ouro.

Na Globo, a palavra de ordem é: "já perdemos os últimos eventos, esse será nosso custe o que custar". Ou seja, pela primeira vez, a Globo admite internamente pagar um valor acima do que poderia valer as Olimpíadas.

A Record levou Londres 2012 por 60 milhões de dólares (A Globo ofereceu 41 milhões de dólares). Isso significa que o valor agora será muito maior do que esse?

Talvez não: entre aquela disputa e essa há um fator chamado crise econômica.


Talvez sim: a Record já andou vazando que teria separado 100 milhões de dólares para subir mais alto no pódio.

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Gmail deixa de ser Beta depois de cinco anos de existência

O Gmail deixou de operar na versão beta, depois de cinco anos a funcionar “experimentalmente”. Os criadores do correio electrónico dizem que “beta” quer dizer “discutível” e já não faz sentido manter a definição quando “produtos como o Gmail mudam indefinidamente”, diz KeithColeman, Director do Gmail.

Desde a sua criação, o Gmail já conta com variadas aplicações entre elas a conversação por vídeo, tecnologia “anti-spam”, aplicações para telemóveis, conversação em grupo. Mas a característica pela qual sempre se distinguiu foi o facto de os usuários só poderem ter uma conta por convite.

Hoje, qualquer pessoa já se pode registar e criar uma conta pessoal sem qualquer convite. Durante muito tempo a justificação para esta “restrição” era o facto do serviço ser ainda uma versão Beta.

O Gmail não foi o único serviço da Google que deixou a designação de Beta, o Google Calendar, o Google Docs e o Google Talk também já não são versões experimentais.

Para os utilizadores mais fãs do serviço, e que sempre se habituaram a ver o pequeno texto que diz “Beta” junto do logótipo do Gmail, a Google criou um pequeno aplicativo que se chama “Back to Beta” e que deixa a sua aparência igual à da versão experimental.

Fonte: www.jornaldenegocios.pt/index.php?template=SHOWNEWS&id=377084

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Câmara lança estudo sobre regulação da internet

A Consultoria Legislativa e o Centro de Documentação e Informação da Câmara dos Deputados divulgaram nesta quinta-feira (4) estudo sobre a regulação da internet. Entre as principais conclusões, a análise recomenda cautela na edição de leis sobre a internet. A página discute os desafios do Brasil de superar as barreiras de tecnologia, infra-estrutura e renda para universalizar a internet no Brasil, onde pouco mais de 30% da população tem acesso à rede.

Os principais debates são apresentados em torno da utilização da rede; os desafios para prevenir e punir os crimes digitais e as discussões no âmbito do Parlamento para regular o funcionamento, o provimento e o conteúdo na Internet.

O estudo mostra a necessidade de legislação apenas nos casos em que, de fato, há novos delitos apenas possíveis pelo advento da rede, "mas sempre tendo em conta que a rede não tem fronteiras e que as soluções tecnológicas mudam o cenário muito rapidamente. Associar leis com a tecnologia em uso pode levar à sua rápida obsolescência".

sexta-feira, 29 de maio de 2009

VoIP móvel 'roubará' receita das operadoras tradicionais

Um estudo para acender o sinal 'vermelho' nas teles tradicionais. O Gartner divulgou uma pesquisa na qual estima que, em 2019, mais de 50% do tráfego de voz móvel usará uma solução VoIP (Voz sobre IP) ponta-a-ponta mundialmente.

Os analistas responsáveis pela pesquisa admitem que esse tráfego ameaça as tradicionais operadoras do setor, uma vez que elas que podem vir a perder espaço num mercado com uma receita global estimada em US$ 692,6 bilhões.

De acordo ainda com a consultoria, o mercado de voz poderá ser ocupado por prestadoras sem infraestruturas próprias, mas que revendem serviços, entre eles, o VoIP, como as MVNOs (redes virtuais).

Saiba mais: www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=18696&sid=8

terça-feira, 26 de maio de 2009

Conficker segue crescendo e Brasil é dos países mais infectados

O vírus Conficker continua se espalhando pelo mundo a uma velocidade alarmente, sete meses depois de a Microsoft ter liberado a atualização do Windows que impede sua atuação. Segundo estimativas da Symantec, o worm infecta 50 mil computador por dia. O Brasil é um dos países mais afetados, ao lado de Estados Unidos e Índia (veja imagem).

"O Conficker/Downadup parece ter perdido boa parte da atenção da mídia, mas ainda está por aí, se espalhando amplamente", afirmam os pesquisadores da Symantec.

O worm conhecido como "Conficker" ou "Downadup" invade computadores privados e redes corporativas, educacionais e públicas graças a uma falha no Windows. A Microsoft liberou uma correção para a vulnerabilidade em outubro de 2008, mas o malware continua a se disseminar mesmo assim, pois muitos usuários, especialmente em pequenas empresas, não instalaram a atualização.

Veja mais: http://oglobo.globo.com/tecnologia/mat/2009/05/22/conficker-segue-crescendo-brasil-dos-paises-mais-infectados-755985605.asp

Brasil tem 56 milhões de computadores em uso

O Brasil chegou a um total de 56 milhões de computadores em uso, contabilizados a partir da base instalada. Apenas no ano de 2008 até maio de 2009, as vendas unitárias chegaram a 12 milhões. Os dados estão na 20ª Pesquisa Anual do Uso de TI, conduzida pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), e divulgada nesta terça-feira (26).

A previsão da FGV é de que o número chegue a 100 milhões de máquinas ao longo de 2012. Segundo a instituição, 86% dos computadores em uso são modelo Pentium 4 ou mais.

"Em fevereiro de 2007, tínhamos uma máquina para cada cinco habitantes, ou um per capita de 20%. Em maio do ano passado, atingimos um per capita de 25%, ou uma máquina para cada quatro habitantes. Hoje, estamos com um per capita com mais de 30%, ou seja, uma máquina para cada três habitantes", disse, em entrevista coletiva, o diretor da FGV, Fernando Meirelles. Durante 2012, afirma ele, a previsão é a de que seja uma máquina a cada dois habitantes.

Saiba mais: www.midiamax.com/view.php?mat_id=507583

terça-feira, 28 de abril de 2009

Pela rede elétrica, Internet chegará a mais brasileiros

Outras tecnologias, como o WiMax, também ajudariam na universalização

A universalização da banda larga no Brasil recebeu o pontapé inicial há duas semanas, quando a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) regulamentou o acesso à Internet pela rede elétrica.

Para virar realidade, o sistema ainda tem que ser regulamentado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), mas os especialistas são unânimes em dizer que o potencial é grande. O sistema, que permite levar a tecnologia a todos os locais onde há luz elétrica, pode impulsionar o uso da banda larga, hoje restrita a 10 milhões de moradores das grandes cidades brasileiras.

"Em termos de inclusão digital, vai ser muito interessante, principalmente para municípios menores", diz o instrutor técnico do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), de Santa Rita do Sapucaí, Mário Ferreira Silva Júnior. Ele lembra que a energia elétrica chega a mais lugares do que o telefone ou a TV por assinatura, os dois meios que hoje conduzem a banda larga.

O superintendente da Infovias, empresa da Cemig que atua na área de telecomunicações, Ivan Soares Ferreira, acredita que o sistema esteja acessível ao consumidor em dois anos, porque, além da regulamentação da Aneel, será necessário investimento das operadoras. Ele ressalta o grande potencial da tecnologia para o acesso das massas.
A Infovias faz projetos-piloto com a tecnologia há nove anos e diz estar pronta para fazer parcerias com as operadoras. "É uma oportunidade de negócios para nós", disse.

WiMax. Outra tecnologia que espera regulamentação da Anatel é o WiMax, sistema de Internet sem fio capaz de levar a tecnologia onde ela não chega pelos meios tradicionais. "Quando falamos em locais onde a Internet ainda não chega, não estamos falando do Brasil remoto, são cidades a 20 quilômetros de São Paulo, que não têm cabo, nem 3G", diz o diretor de expansão de negócios da Intel Brasil, Cássio Tietê.

Fonte: http://www.otempo.com.br/otempo/noticias/?IdNoticia=109355

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Estágio final do Windows 7 chega a programadores nesta semana

Versão 'release candidate' estará disponível nesta quinta. Novidade poderá ser amplamente acessada no dia 5 de maio.

A Microsoft vai lançar nesta semana a versão preliminar do sistema operacional Windows 7. A versão, conhecida como "release candidate", ou RC, indica que a companhia está nos estágios finais de completar o desenvolvimento do produto, sucessor do impopular Windows Vista.

A Microsoft afirmou que a versão RC do sistema estará disponível na quinta-feira (30) para download por programadores e profissionais de tecnologia da informação cadastrados nas redes MSDN e TechNet e poderá ser amplamente acessado em 5 de maio.A companhia ainda não informou quando a versão final começará a ser instalada em computadores ou será disponibilizada para compra em lojas, mas o vice-presidente de finanças afirmou na quinta-feira (23) que pode ser antes de julho.

Os sistemas operacionais da Microsoft, instalados na maioria dos computadores do mundo, ainda são o suporte principal da empresa, fornecendo mais da metade do lucro de US$ 4,4 bilhões no último trimestre.

O Vista, lançado ao público em 2007, se mostrou pesado para alguns computadores menos poderosos e muitos usuários reclamaram que o sistema é muito complicado. A concorrente Apple acabou promovendo uma campanha humorística na TV sobre os problemas da Microsoft.

Já o Windows 7, que tem recebido boas críticas em testes de público limitados nos últimos meses, tem um visual muito mais simples e tem uma série de recursos compatíveis com telas sensíveis a toques. A Microsoft informou ainda que o novo sistema vai interagir melhor com câmeras digitais e dispositivos de música.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1099474-6174,00.html

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Ubuntu 9.04 lançado

A Canonical anunciou o lançamento da versão final do Ubuntu 9.04 Server Edition e Ubuntu 9.04 Netbook Remix, e também Kubuntu 9.04 e Xubuntu 9.04.

Dentre as melhorias podemos destacar: tempo de boot mais curto, melhoria em suspend-e-resume, novo sistema de notificações, GNOME 2.26, X.org server 1.6, Linux kernel 2.6.28, suporte a ext4 e mais.

O Kubuntu vem com o KDE 4.2.2, Amarok 2.0.2, o novo widget do gerenciador de rede baseado em Plasma, o primeiro Digikam para KDE4, Qt 4.5, entre outros.

http://www.ubuntu.com/getubuntu/releasenotes/904overview
http://www.kubuntu.org/news/9.04-release
https://wiki.ubuntu.com/Xubuntu/JauntyJackalope/Final

Fonte: www.noticiaslinux.com.br/nl1240540508.html

WiMAX pleno no Brasil só em março de 2010

Rede já existe no país mas alcance do sinal é o mesmo de uma conexão Wi-F

Poucas pessoas sabem - menos ainda usam -, mas o Brasil já tem planos domésticos de WiMAX prontos para navegação sem fio em alta velocidade. O serviço abrange 52 cidades da Grande São Paulo, mas não funciona como em Portland, nos EUA. Há algumas condições ideais que limitam a experiência plena da internet total.

A principal delas é que, se o usuário contratar o serviço da Neovia (a empresa pioneira no WiMAX no País), não pode andar pela cidade conectado. Isso porque o sinal é recebido por um modem fixo e transmite o sinal por no máximo 100 metros, como qualquer Wi-Fi. O sinal WiMAX até é replicado, mas não há aparelhos no País habilitados a reconhecê-lo.

Outro fator limitante é o contrato para um número mínimo de 25 pessoas. Os planos da Neovia são exclusivamente para condomínios. É como se fosse uma "internet por rádio", mas que utiliza o Wimax.

A empresa iniciou as operações em 2002, tão logo venceu, ao lado da Embratel - que também oferece WiMAX, mas, por enquanto, só a pequenas e médias empresas -, a licitação feita pela Agência Nacional das Telecomunicações (Anatel) para o uso da frequência de 3,5 gigahertz (Ghz).

Os condôminos tem quatro opções de planos entre as quais escolher. A mais em conta oferece acesso banda larga sem fios a R$ 39,90 durante os quatro primeiros meses. Após o período promocional, paga-se a tarifa cheia de R$ 69,90. A Neovia tem apenas 30 mil usuários. O número não impressiona, ainda mais se comparado à penetração de celulares 3G em São Paulo: dados da Cisco e da Anatel indicam serem mais de 500 mil em pouco mais de um ano. O WiMAX real é, ainda, uma promessa para os brasileiros.

Eterna promessa

São ao menos três os motivos que dificultam a disseminação da tecnologia no País. O primeiro - e mais fácil de vencer, conforme garantem executivos da Intel e da Pos-Data, que fabricam equipamentos WiMAX - é a disponibilidade de notebooks e celulares habilitados a receber o sinal. "Só precisamos do apoio da legislação", afirma Cássio Tietê, diretor de expansão de negócios da Intel.

Esta é a segunda e espinhosa razão; depois do leilão de 2002, em que foram compradas apenas 14% das faixas disponíveis para tráfego de dados na frequência de 3,5 GHz, a Anatel não realizou mais nenhum que pudesse contemplar potenciais provedores Wimax.

Já houve outras tentativas. Uma delas foi suspensa em 2006, depois de questionada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pelas operadoras de telefonia. Enquanto o TCU discordava do preço mínimo colocado nas faixas do espectro a serem negociadas, as empresas queriam mudar as regras que as proibiam de comprar novos trechos em suas áreas primárias de atuação.

Com a suspensão da licitação, o processo retornou ao zero. No fim de 2008, novas regras para o leilão de 3,5 GHz foram colocadas para consulta pública até janeiro. Agora espera-se que o Conselho Diretor da Anatel anuncie outra redação de licitação até julho. Com sorte, o Brasil terá WiMAX pleno só em março de 2010.

Fonte: www.bemparana.com.br/index.php?n=105113&t=wimax-pleno-no-brasil-so-em-marco-de-2010

terça-feira, 14 de abril de 2009

Topfield lança gravador de vídeo HDD de alta definição

Chega ao mercado brasileiro na próxima semana o primeiro gravador de vídeo de alta-definição que usa apenas um HDD interno. O aparelho, produzido pela Topfield, custará R$ 1.799. O modelo estará disponível nas lojas FNAC da Avenida Paulista, Pinheiros e Shopping Morumbi. Mas quem quiser se adiantar, pode fazer a compra no site da rede, pois o produto está disponível para pré-venda desde 14 de março pelo preço de R$ 1.799.

O gravador, modelo TF7700 HDPVR-Tb, sintoniza e grava em alta definição, faz pausa da programação ao vivo e permite que o usuário volte o conteúdo assistido.

De acordo com a Unicoba, empresa fabricante do produto, o aparelho vem equipado com um HDD interno de 250 GB, que permite gravar 50 horas de vídeo em alta resolução ou 200 horas em definição padrão.

Outra vantagem do aparelho é que ele funciona como um mídia player, pois reproduz e armazena arquivos de músicas MP3 e filmes DivX – lidos diretamente de um pen drive. O produto possui conexões para HDMI, USB, S/PDIF, S-Vídeo, Vídeo Componente e porta Ethernet.

Fonte: http://wnews.uol.com.br/site/noticias/materia.php?id_secao=4&id_conteudo=13175

Lançado o Epidemic GNU/Linux 3.0

A equipe de desenvolvimento do Epidemic tem o prazer de anunciar o lançamento do Epidemic GNU/Linux 3.0 (codinome Symbiotic Evolution) que traz importantes novidades em relação à versão anterior e representa, sem dúvida, uma grande evolução na linha de desenvolvimento do Epidemic.
Você pode fazer o download aqui: www.epidemiclinux.org/download.html

terça-feira, 7 de abril de 2009

Nftables, o novo firewall do Linux

Tal como ocorreu no passado com ipfwadm e ipchains, agora toca ao iptables ir preparando-se para acabar no baú de memórias. O grupo encarregado do Netfilter publicou uma versão preliminar do que previsivelmente será seu sucessor: nftables. A nova ferramenta é mais adaptável, tem uma sintaxe mais simples e permite executar mais de uma ação por linha. nftables é formado por três componentes: a implementação no kernel, a biblioteca de comunicação (libnl) e o frontend. O desenvolvimento do zero foi necessário, já que cada vez estavam sendo incluídas mais extensões ao netfilter que tornavam-se difíceis de manejar para quem administrava os sistemas. Foi decidido támbem remover do kernel a maior parte do sistema de avaliação de regras. O código se encontra atualmente em estado alpha, o que quer dizer que se pode começar a testá-lo.

Fonte: http://www.noticiaslinux.com.br/nl1239077379.html

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Netbooks podem trocar Windows por Android

Desde que a HP iniciou testes com o sistema operacional apoiado pelo Google, o Android, para sua linha de netbooks, uma luz amarela acendeu na Microsoft. Atualmente, a fabricante do Windows surfa a onda dos computadores ultracompactos sem seu principal produto, o Windows Vista.

Como o Vista é pesado demais para o hardware enxuto dos netbooks, a Microsoft adaptou o antigo XP para atender esta crescente demanda.O uso do XP em netbooks é uma solução emergencial.

Até janeiro, quando devem chegar ao varejo as primeiras cópias do Windows 7, uma versão simplificada do novo sistema operacional deve finalmente levar às novidades da Microsoft para segmento de netbooks.

A ideia é que o Windows 7 Starter cumpra essa função e enterre de vez o XP, que sobrevive a contragosto de sua fabricante.

A estreia do Android em netbooks, no entanto, tem potencial para causar grandes estragos aos planos da Microsoft para seu vindouro Windows 7 Starter.

Saiba mais: http://info.abril.com.br/noticias/tecnologia-pessoal/netbooks-podem-trocar-windows-por-android-01042009-42.shl

Falha perigosa é descoberta no PowerPoint

Abertura de arquivo comprometido poderia levar à execução remota de código.

A Microsoft alertou seus usuários para uma falha no aplicativo PowerPoint que, se explorada, pode permitir execução remota de código.

Segundo o site The H Security, a brecha existe graças a um objeto inválido na memória, e pode ser explorada através de um arquivo manipulado. Este arquivo poderia chegar por email, entretanto a falha só está sendo explorada em ataques dirigidos.

Enquanto uma atualização não está disponível, noticiou o site BetaNews, o blog da Microsoft Security Research & Defense (tinyurl.com/dgnnrr) recomenda algumas ações de prevenção.

Uma delas é começar a utilizar o formato PPTX, um novo padrão XML inserido na versão mais recente do Office (2008 para Mac e 2007 para Windows), através do qual o novo ataque não poderia ser realizado. Outra alteração (tinyurl.com/d5x7zm) no Registro do Windows é capaz de dificultar o ataque também. Uma terceira solução seria utilizar o ambiente seguro MOICE (tinyurl.com/ddtcvv) para a abertura de arquivos recebidos.

A falha afeta os aplicativos PowerPoint 2000 SP3, 2002 SP3, 2003 SP3, no Windows, bem como o Office 2004 para Mac. Outras versões não seriam afetadas pelo problema.

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Computadores estão em perigo neste 1º de abril

Poderoso vírus, o ‘Conficker’, pode sofrer mutação nesta quarta. Programa rastreia senhas e dados pessoais.

Alerta para o 1º de abril, e que não é piada. Alguns dos maiores fabricantes de software do planeta temem ataques de um poderoso vírus de computadores. Existe até uma recompensa de mais de R$ 500 mil para quem der informações que levem aos criadores da praga digital, batizada de “Conficker”. Portanto, se alguém disser que seu computador está em risco, acredite.

Segundo empresas especializadas em antivírus, máquinas do mundo inteiro estão sob a ameaça de um dos vírus mais perigosos dos últimos anos. Descoberto no ano passado, o Conficker está programado para sofrer uma mutação nesta quarta-feira (1º).

“O principal objetivo dessa ameaça é fazer a coleta de dados pessoais, senhas bancárias, cartões de crédito. No mercado de cyber criminosos, onde essas informações são realmente comercializadas para fazer fraudes eletrônicas no mercado de forma geral”, explica o especialista em segurança, Otto Stoeterau.

Saiba mais: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1067180-6174,00.html

segunda-feira, 30 de março de 2009

Chip de grafeno pode chegar a 1 THz, diz MIT

Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) acreditam que os processadores feitos com grafeno podem atingir a frequência de 1 THz.

Para se ter uma ideia, os chips atuais chegam a, no máximo, 5 GHz. Segundo os pesquisadores que estão trabalhando com o componente, é possível que a nova tecnologia vá para o mercado nos próximos dois anos.

O grafeno é um composto de átomos de carbono unidos em pedaços que se parecem colmeias. Identificado em 2004, o material tem capacidade de conduzir muita eletricidade e gerar um nível de calor praticamente desprezível. Sua espessura não é maior que a de um átomo.

Os cientistas explicam que a multiplicação de clocks dos processadores atuais gera ruído de sinal. Por isso, é necessário usar filtros que acabam limitando a velocidade do chip. O grafeno usa apenas um transistor com saída limpa, eliminando a necessidade de filtros.

A tecnologia será colocada em discussão no próximo mês, quando acontecerá nos Estados Unidos o simpósio científico Electron Device Letters.


Fonte:
http://info.abril.com.br/noticias/tecnologia-pessoal/chip-de-grafeno-pode-chegar-a-1-thz-diz-mit-29032009-4.shl

quarta-feira, 25 de março de 2009

Câmara recebe resposta da Anatel sobre certificação de equipamentos

O gabinete do deputado Paulo Bornhausen (DEM/SC) recebeu nesta quarta-feira, 25, as explicações formais da Anatel sobre a suspensão da emissão de certificados para equipamentos com tecnologia WiMAX a serem operados na faixa de 2,5 GHz. Os esclarecimentos atendem a um pedido do parlamentar feito há cinco meses, em 29 de outubro de 2008. E a documentação da Anatel não convenceu o deputado da necessidade de adiar a homologação dos equipamentos.

No documento, antecipado por este noticiário na semana passada, a agência reguladora justifica a suspensão alegando que, no momento, não existe um procedimento definido para que as empresas de MMDS e SCM, que operam em 2,5 GHz, possam fazer uso dos equipamentos caso eles fossem homologados. Ressalta ainda a necessidade de se debater o futuro da destinação desta faixa antes de dar sequência às certificações.

Para Bornhausen, a Anatel não conseguiu explicar com clareza os motivos para se omitir na certificação. "A resposta foi insuficiente. É evasiva e não vai direto ao ponto. O voto da conselheira Emília Ribeiro é muito mais claro ao dizer que não há nada que impeça a certificação, pelo contrário. A certificação é obrigação da agência", afirmou Bornhausen, fazendo referência ao voto já divulgado da relatora do processo, conselheira Emília Ribeiro.

Com a resposta tardia da Anatel e os sucessivos adiamentos da deliberação sobre o assunto, em pauta no Conselho Diretor, o deputado pediu hoje à Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) que priorize a realização de uma audiência pública para que o assunto possa ser esclarecido. O presidente da CCTCI, deputado Eduardo Gomes (PSDB/TO) garantiu que o agendamento do encontro será uma das prioridades da comissão.

Crise

Bornhausen criticou a demora da agência em solucionar a questão, alegando que a omissão dos certificados pode gerar graves danos ao país, não só econômicos, mas também sociais. "A Anatel está criando dificuldades em um momento de crise. Ela está virando as costas para um setor que foi, nos últimos 10 anos, um dos principais fomentadores de investimentos no Brasil", analisou o parlamentar. "Há um prejuízo não mensurável no momento em que se está negligenciando o papel das telecomunicações no desenvolvimento do país", complementou.

O fato de a Anatel ter avaliado com agilidade outros assuntos ao longo de 2008 e não ter feito o mesmo com relação aos equipamentos de WiMAX é outra queixa do deputado. "A mesma celeridade do caso BrOi deveria ser aplicada a todos os projetos importantes para o país". Bornhausen quer agora que o presidente da Anatel, embaixador Ronaldo Sardenberg, compareça pessoalmente à comissão para explicar a atuação da agência no caso.

Além do presidente da Anatel, a CCTCI pretende convidar para a audiência representantes da TVA, ITSA, Neotec, Acom, ABTA, Acel e Cisco. A data do encontro ainda não está fechada. Enquanto isso, o tema continua na pauta do Conselho Diretor da Anatel, com previsão para deliberação na reunião dessa quinta-feira, 26. A certificação e homologação de equipamentos WiMAX em 2,5 GHz está suspensa há 10 meses.

Fonte: www.teletime.com.br/News.aspx?ID=126055

sábado, 21 de março de 2009

70% das empresas avaliam adoção do Linux no servidor

Mais da metade dos executivos de TI planejam acelerar a adoção do Linux em 2009. Esse é o principal resultado da pesquisa conduzida pelo IDC e encomendada pela Novell. Cerca de 72% dos entrevistados disseram que estão avaliando seriamente ou já decidiram aumentar a adoção do Linux no servidor em 2009, com mais de 68% reivindicando o mesmo para o desktop.

A principal razão que motivou os executivos a migrarem para Linux foi econômica e relacionada à redução contínua de custos de suporte. Aproximadamente metade dos entrevistados afirmou que sua migração para a virtualização está acelerando suas adoções de Linux. Oitenta e oito por cento deles planejam avaliar, implantar ou aumentar a utilização do uso de software de virtualização no sistema operacional Linux nos próximos 12-24 meses.

Saiba mais: www.decisionreport.com.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=4233&sid=20

Dell Lança Notebook Mais Fino do Mundo

A Dell lançou o Adamo, o notebook mais fino do mundo, título que até então pertencia ao Macbook Air da Apple. O Adamo mede apenas 1,65 cm de espessura (contra 1,93 cm do Macbook Air), pesa 1,81 Kg (o Macbook Air pesa apenas 1,36 Kg), tem tela de 13,4” (relação de aspecto 16:9; 720p), processador Core 2 Duo, 2 GB de memória RAM DDR3 (máximo de 4 GB), disco SSD de 128 GB, motor gráfico Intel GMX4500, rede Gigabit Ethernet e WiFi 802.11n, tecnologia Bluetooth 2.1, webcam integrada de 1,3 Mpixel, bateria com autonomia de mais de cinco horas (usando células de polímero de lítio), duas portas USB, uma porta USB/eSATA, rede celular 3G opcional e vem com o sistema operacional Windows Vista Home Premium 64 bits instalado. O notebook Adamo está disponível nas cores pérola ou ônix e custa no Brasil R$ 9.000,00 (modelo com o processador Core 2 Duo SU9300 de 1,2 GHz e 2 GB de memória RAM) ou R$ 11.299 (modelo com o processador Core 2 Duo SU9400 de 1,4 GHz e 4 GB de memória RAM).

Fonte: http://www.clubedohardware.com.br/noticias/2282

quinta-feira, 19 de março de 2009

Lançado Internet Explorer 8 final

Confirmando nossos rumores, o Internet Explorer 8 foi lançado pela Microsoft hoje, dia 19 de março. Entre as principais novidades, além da maior compatibilidade com padrões Web e melhor desempenho geral, o IE8 traz um botão de compatibilidade com páginas voltadas para navegadores antigos, os novos "Accelerators" que permitem executar ações rapidamente, e maior segurança com o filtro SmartScreen.

Fonte: http://www.guiadohardware.net/noticias/2009-03/49C29844.html

terça-feira, 3 de março de 2009

Uso de celular no Brasil é o mais caro entre 154 países, diz estudo

País também desembolsa acima da média por telefone fixo e web.
Informação foi divulgada por União Internacional de Telecomunicações.

O consumidor brasileiro é o que paga mais caro pelo uso de telefone celular entre usuários de 154 países, com base no critério de Paridade de Poder de Compra (PPC). Também desembolsa bem acima da média mundial pelo telefone fixo e para se conectar à internet.

Quem mostra esse quadro é a União Internacional de Telecomunicações (UIT), com um índice que compara o desenvolvimento em tecnologia da informação e comunicação (TIC) em 154 países, entre 2002 e 2007.

O Brasil ficou na 60ª posição, no levantamento mais recente, e perdeu seis lugares no período. A UIT diz que o país avançou pouco em acesso (caiu 13 posições) aos serviços e no uso de TIC (caiu sete) e que " melhorou muito pouco " no conhecimento e na capacidade para explorar novas tecnologias de maneira eficiente e efetiva. Exemplifica com a penetração de apenas 30% da banda larga no setor terciário, contra mais de 60% na Argentina.

Leia mais: http://g1.globo.com/Noticias/Economia_Negocios/0,,MUL1023663-9356,00.html

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Próximo Ubuntu virá preparado para a nuvem

Mark Shuttleworth, criador do Ubuntu, enviou, ontem, notícias da versão 9.10 do sistema operacional para a comunidade Linux.

No e-mail, Shuttleworth conta que o Ubuntu tem o nome de Karmic Koala - o novo mascote do software. Além disso, revela que o sistema para as versões desktop e servidor é desenvolvido para trabalhar com os recursos da nuvem de internet.

Shuttleworth destaca que no caso da versão servidor, os usuários encontrarão diversas ferramentas abertas para facilitar a conexão, a integração e o gerenciamento das aplicações que rodam na nuvem web. E que elas deixarão o Ubuntu na vanguarda nesse quesito.

A versão do desktop, diz Shuttleworth, obviamente trará as evoluções da computação em nuvem. Mas a principal novidade não é essa. O Ubuntu 9.10 para o PC será muito rápido para carregar e executar as aplicações, afirma o criador do sistema. Além disso, trará recursos especiais para tirar o máximo de desempenho dos notebooks e netbooks - esse último, inclusive, terá uma versão especial do novo sistema.


Fonte:
http://info.abril.com.br/aberto/infonews/022009/21022009-7.shl

O que você vai encontrar nas seis versões do Windows 7?

Apesar dos constantes pedidos dos usuários, que gostariam que a Microsoft fizesse apenas uma versão do Windows 7, seu próximo sistema operacional, a empresa manteve a estratégia de criar múltiplas edições do software, exatamente como fez com o XP e o Vista. Neste caso, a Microsoft planeja lançar seis versões diferentes do Windows 7. "Nós temos 1 bilhão de clientes. É difícil atender a todos com apenas uma versão", disse Mike Ybarra, gerente geral da linha Windows.

O lado bom da história é que a maioria das pessoas vai precisar escolher apenas entre duas versões: uma para usuários domésticos e outra para usuários corporativos. Isso segundo a Microsoft, claro. Pois bem, para esclarecer de uma vez por todas a questão (ou pelo menos tentar), fizemos uma análise do que está incluído em cada pacote. Vale lembrar que os preços ainda não foram informados pela empresa de Redmond. Veja a seguir:

Windows 7 Starter

Esse é o Windows mais simples de todos, disponível apenas em versão de 32 bits, e que deve atender às necessidades mais básicas dos usuários. Os usuários podem abrir somente três janelas ao mesmo tempo e ele não conta com a interface gráfica Aero Glass. A barra de tarefas foi redesenhada e não é possível criar grupos de compartilhamento - só é possível participar de grupos já criados. Será pré-instalado em computadores novos, apenas em países em desenvolvimento, como o Brasil, a Índia, a Rússia e a China.

Continue acompanhando esta matéria: http://idgnow.uol.com.br/computacao_pessoal/2009/02/26/o-que-voce-vai-encontrar-nas-seis-versoes-do-windows-7/

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Beta 2 do Epidemic 3.0

“Já se encontra disponível para download o segundo beta do Epidemic GNU/Linux 3.0. Além da correção de todos os bugs reportados pela equipe de beta-testers, esta nova versão do Epidemic traz também importantes novidades:

Agora, a imagem ISO do Epidemic passou a ter 1,3 GB e já vem com o novo KDE 4.2 (Codename: “The Answer”), que representa, sem dúvida, um grande avanço na linha de evolução do KDE4. O Epidemic 3.0 Beta 2 vem também com o OpenOffice 3.0, Iceweasel 3.0, Compiz Fusion já previamente configurado (rodando direto do livecd), além de diversos novos programas.

O Enetwork, assim como já havia ocorrido com outras aplicações exclusivas do Epidemic, como o Easy Channel, foi portado para a API do KDE4 e ganhou novas funcionalidades, como o suporte inicial a softmodems. Foi desenvolvido também um novo módulo chamado Ependrive para o Systemsettings (o centro de controle unificado do KDE e do Epidemic), que permite escolher se as alterações feitas no Epidemic, quando rodando em um live pen drive, serão salvas ou descartadas.


Veja mais: http://br-linux.org/2009/beta-2-do-epidemic-30/

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Com novos leilões, Anatel quer impulsionar banda larga no Brasil

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) se prepara para colocar no mercado pelo menos duas licitações de frequência este ano como forma de impulsionar o uso da banda larga no Brasil, seja pelos meios fixos ou móveis.

Nelson Takayanagi, gerente geral de comunicações pessoais terrestres da Anatel, explicou nesta quinta-feira que a agência pretende iniciar este ano a licitação da faixa de 3,5 GHz e, em dois meses, pretende lançar a consulta pública para a faixa de 2,5 GHz. Em ambas as faixas é possível se conectar com a tecnologia WiMax, de banda larga sem fio.

Em 2010, o órgão regulador também quer avaliar o uso da faixa de 450 MHz para conexões à Internet, de acordo com o executivo, que participa de encontro promovido pelo órgão regulador de Portugal, a Anacom.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

LG Lança Netbook X120

Durante a CES 2009 a LG demonstrou o netbook X120. Agora a empresa anuncia oficialmente o seu lançamento. O X120 é um netbook (mini notebook) equipado com o processador Atom N270 (1,6 GHz), tela de 10,9”, 1 GB de memória, disco rígido de 160 GB, webcam embutida de 1,3 Mpixel e conectividade HSPA integrada (comunicação 3G). Ele pesa 1,19 Kg e mede 26,4 cm (L) x 17,85 cm (P) x 3,27 cm (A) (com bateria de 3 células) ou 26,4 cm (L) x 17,85 cm (P) x 3,78 cm (A) (com bateria de 6 células). Segundo a LG o X120 chegará às lojas no próximo mês. Seu preço não foi divulgado.

Fonte: www.clubedohardware.com.br/noticias/2237

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

LiMo Foundation prepara versão final de plataforma Linux para celulares

A próxima versão da plataforma móvel baseada em Linux LiMo está se aproximando do lançamento e algumas operadoras já prometeram aparelhos com o sistema para 2009, anunciou nesta segunda-feira (09/02) a Fundação LiMo.

Todos os componentes que fazem parte do Release 2 do sistema foram entregue no prazo para os membros da aliança, diz o grupo. A nova versão dará melhor suporte multimídia, serviços baseados em localização geográfica e segurança melhorada.

Telefones comerciais, porém, não estarão prontos até o final do ano. A LiMo deve mostrar designs de referência com o Release 2 durante o Mobile World Congress, que começa no dia 16 de fevereiro em Barcelona, na Espanha.


Veja mais: http://br-linux.org/2009/limo-foundation-prepara-versao-final-de-plataforma-linux-para-celulares/

ASUS Lança Notebook N81Vg

A ASUS acaba de lançar o N81Vg, o primeiro notebook do mercado equipado com o novo chip gráfico nVidia GeForce GT 120M. Este notebook tem tela de 14”, suporta os processadores Intel Core 2 Duo modelos T9400, P8600, P8400, P7350, T6600, T6400, T5900 e T5800, suporta a instalação de até 4 GB de memória DDR2-800 (dois soquetes), pode ser configurado com opções de discos rígidos SATA com capacidades de 160 GB, 250 GB, 320 GB ou 500 GB, gravador de DVD ou leitor Blu-Ray e Webcam integrada de 1,3 Mpixel. O N81Vg pesa 2,5 Kg (com bateria de seis células), mede 34,2 cm x 25,6 cm x 3,6 cm e vem com o sistema operacional Windows Vista instalado. Informações sobre preço e disponibilidade não foram divulgadas.

Fonte: www.clubedohardware.com.br/noticias/2231

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Instalando e configurando o Java no Linux Ubuntu

Java 2 Standard Edition provê um ambiente completo para desenvolvimento de aplicações em desktop e servidores. Ele também serve como base para a plataforma “Java 2 Enterprise Edition” (J2EE) e “Java Web Services”.

Neste artigo utilizamos a versão “J2SE Development Kit 5.0 Update 9″, provalvelmente o processo de instalação e configuração será o mesmo para outras versões do JDK.
O Sistema operacional em que será instalado o JDK é o Ubuntu GNU/Linux em sua versão 6.10.

Saiba mais: www.javafree.org/artigo/872027/Instalando-e-configurando-o-Java-no-Linux-Ubuntu.html

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Google trabalha em ferramenta global para vigiar desmatamento

Objetivo é fortalecer programas de conservação em todo o planeta. Chamada inicialmente de Google Forest, novidade foi anunciada no Inpe.

O gigante de buscas Google está empenhado em criar uma ferramenta inédita para monitorar a conservação de florestas de todo o planeta.

A revelação foi feita nesta sexta-feira (6) por uma representante da empresa em reunião científica no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), em São José dos Campos (SP). A proposta é integrar bases de imagens de satélite e diferentes tecnologias de monitoramento para que os países interessados possam usá-las livremente.

O objetivo inicial da ferramenta é ser usado para calcular a quantidade de carbono contida nas florestas. Com isso, ela poderá ser usada em programas de conservação baseados em um sistema, ainda em negociação, pelo qual os países poderão receber dinheiro para manterem suas florestas em pé. Este sistema é chamado pelos especialistas de Redd (Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação).

O carbono que forma as árvores, quando liberado para a atmosfera com queimadas, por exemplo, contribui para o aquecimento global. Este é um importante fator para se combater o desmatamento.


Veja mais: www.globoamazonia.com/Amazonia/0,,MUL990948-16052,00.html

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Vodafone contrata Azingo para criar aplicativos Linux

A Vodafone contratou a produtora norte-americana Azingo para desenvolver aplicações Linux, no mais recente sinal de que a maior operadora celular do mundo em vendas está mantendo o sistema operacional LiMo, baseado em Linux, como uma de suas escolhas mais importantes.

A Vodafone, um dos membros criadores da fundação para sistema operacional móvel LiMo, destacou anteriormente a importância de se reduzir o número de diferentes sistemas operacionais, o que criou especulações de que a empresa poderia abandonar o apoio ao LiMo.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Novo Windows será vendido em seis versões diferentes

Windows 7 terá edições Starter, Professional e Ultimate, entre outras. Pacote Home Basic será destinado a mercados 'emergentes'.

O Windows 7, sistema operacional da Microsoft que deve substituir o Vista, lançado em 2007, será vendido em pelo menos seis versões diferentes. A variedade de edições segue a estratégia adotada para o antecessor, que vai do pacote Starter até o Ultimate.

O Windows 7, que teve versão de testes lançada em janeiro, chegará às lojas nas versões Starter, Home Basic, Home Premium, Professional, Enterprise e Ultimate.

Matéria completa:
http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL984983-6174,00.html

Lançamento PHP.com.br e PHP-OBJ.com.br

Acabam de ser lançados mais dois sites para a comunidade PHP no Brasil. O primeiro deles, PHP.com.br será uma página de entrada que exibirá as principais novidades de alguns dos principais sites temáticos nacionais, como o da PHPMagazine, o ProPHP, o PHP-GTK e as comunidades estaduais. O site funcionará como um agrupador de RSS e objetiva dar suporte a quem está começando no PHP encontrar os camínhos disponíveis.

Veja mais: http://www.noticiaslinux.com.br/nl1233717906.html

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Mac OS X cresce e Windows cai, diz pesquisa da Net Applications

Framingham - Sistema operacional da Apple atinge 9,9% de participação de mercado em janeiro. Windows tem queda de 2,2 pontos percentuais.

O Mac OS X, sistema que equipa os computadores Macintosh, da Apple, registrou 9,9% de adesão dos internautas em janeiro de 2009, segundo pesquisa da Net Applications.

É o terceiro mês seguido de crescimento e o melhor resultado do sistema operacional da Apple. Entre novembro de 2008 e janeiro de 2009, o Mac OS X aumentou 1,7 ponto percentual.

Em contraposição, o Windows teve queda de 0,42 ponto percentual, com 88,3% de participação em janeiro de 2009.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Sem medo do pinguim: um guia para novatos em Linux

Mudanças para o desconhecido geram insegurança. Encontre aqui informações que irão ajudá-lo nos primeiros passos com o Linux.

Iniciar-se em Linux pode ser uma tarefa assustadora, principalmente para quem nunca mexeu em outro sistema operacional além do Windows.

Mas, na verdade, pouquíssimas coisas são difíceis de usar no Linux. Trata-se apenas de um sistema operacional diferente e com as suas peculiaridades. Uma vez que você entender o espírito dele, provavelmente não vai ter mais dificuldade de trabalhar nele do que no Windows ou no Mac OS.

Neste guia, iremos focar no Ubuntu, a distribuição mais popular do Linux hoje em dia e uma das mais amigáveis. Vale ressaltar que o Ubuntu é apenas uma dos várias e diferentes versões do sistema operacional. Literalmente centenas de distribuições estão disponíveis por aí, atraindo uma boa gama de usuários – de professores e programadores a músicos e hackers.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Brasil ocupa décima posição entre países com maior número de computadores

PCs em uso chegaram a 1,19 bilhão em 2008, diz estudo.
Brasil tem 33,3 milhões de máquinas, ou 2,8% do total.

Um estudo divulgado recentemente pela Computer Industry Almanac aponta que, em 2008, o número de computadores em uso espalhados por 57 países chegou a 1,19 bilhão – os dados são compatíveis com aqueles anunciados pelo Gartner em meados do ano passado.

No ranking das nações que mais têm PCs, o Brasil aparece em décimo lugar, com 33,3 milhões de máquinas (2,8% do total). Veja mais abaixo essa lista completa.

Os computadores pessoais não são usados somente no ambiente doméstico – desktops e notebooks adotados em empresas também entram na categoria de PCs. Quando considerados os computadores de maior porte, chamados mainframes, o valor total de máquinas espalhadas pelo mundo chega a 1,23 bilhão, de acordo com a Computer Industry Almanac.

Veja matéria completa: http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL975322-6174,00.html

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Licença Prévia de Importação: É o Brasil de Volta à Década de 1970

Não sei porque eu ainda me espanto com as decisões do governo brasileiro, típicas de países de terceiro mundo que vão continuar subdesenvolvidos para sempre. O governo acabou de alterar a legislação sobre importação de produtos, fazendo com que agora seja necessária a licença prévia para importação de produtos. Ou seja, quem quiser importar algo tem de submeter um pedido ao governo que irá analisar o pedido e aprová-lo ou não. Na prática isto fará o país voltar aos tempos áureos da reserva de mercado: burocracia, corrupção, contrabando, defasagem tecnológica, etc, etc, etc.

Veja mais: www.clubedohardware.com.br/blog/253/

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Intel Lança Core 2 Duo E8700

A Intel lançou o mais novo membro da família de processadores Core 2 Duo: o E8700. Baseado no núcleo Wolfdale, este processador de dois núcleos fabricado com tecnologia de 45 nm trabalha internamente a 3,5 GHz, trabalha externamente a 1.333 MHz, tem 6 MB de cache L2 e TDP de 65 W. Informações sobre preço não foram divulgadas.

Fonte: http://www.clubedohardware.com.br/noticias/2210

Baixar Windows 7 só é possível até 10/2

A Microsoft vai impedir downloads da versão beta do Windows 7 a partir do dia 10 de fevereiro.

No blog do Windows o gerente Brandon LeBlanc diz que a companhia já tem beta testers suficientes para suas necessidades.

“Tanta gente baixou o Windows 7 e estamos recebendo tantos comentários sobre o produto que já estamos próximos de nossa capacidade do ponto de vista da engenharia”, anotou LeBlanc.

Assim, a ideia é permitir o download do programa por algumas semanas mais e então bloquear o acesso ao Windows 7 para novos usuários.

O limite para download em 10 de fevereiro gerou certa surpresa, pois a expectativa criada em função de comunicados anteriores da Microsoft era que o download do WIndows 7 só ficaria disponível até o final deste mês.

Download pode se estender até dia 12


O fim do período público de testes do sucessor do Vista vai acontecer em duas etapas. O dia 10 de fevereiro é a data limite para que alguém que inscreva no programa de beta testers e inicie o download do sistema operacional. Se sua conexão for lenta e o download se estender ao longo do dia 11 não haverá problemas.

A partir da zero hora do dia 12, porém, não será mais possível copiar o Windows 7.

Características

Os desenvolvedores da Microsoft têm como meta entregar uma versão final do novo Windows para integradores antes do final deste ano. Afinal, a companhia deseja apresentar o Windows 7 para vendas comerciais já no início de 2010.

O desejo da Microsoft é colocar o sistema operacional nas lojas três anos após a estréia do Vista e não repetir alguns dos erros que prejudicaram as vendas – e a imagem – do Windows Vista.

Assim, a Microsoft se esforça para que o Windows 7, além de inovações em relação ao Vista, possa ser iniciado rapidamente e logo em sua estreia tenha ampla compatibilidade com grande variedade de hardware e software.

Mesmo na atual versão de testes, cheio de bugs e imperfeições, é perceptível que a velocidade para o programa ser carregado melhorou em relação ao Vista.

Outras mudanças que já podem ser percebidas no novo Windows é uma barra de tarefas maior com atalhos para vários aplicativos e a substituição da função Propriedades pelo recurso Display Settings, que agiliza o acesso a configurações de vídeo.

As principais modificações, no entanto, ainda devem ser reveladas em versões futuras que permitam o melhor aproveitamento de processadores com múltiplos núcleos e máquinas com telas sensíveis ao toque.

Fonte: http://www.adnews.com.br/destaque.php?id=82949

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Testes entre Windows 7, Vista e XP declaram o XP como vencedor

A InfoWorld resolveu fazer alguns testes envolvendo o Windows 7, o Vista e o XP, e o resultado foi que o XP acabou se revelando o mais rápido dos três, sendo que o Vista foi o mais lento.

Os resultados demonstraram que o Windows 7 é 60% mais rápido do que o Vista com processadores dual-core, enquanto que usando processadores dual-core e quad-core, o XP é mais rápido que o 7.

Mas existe um detalhe que deve ser considerado: segundo o pessoal da InfoWorld, a lentidão se deve ao código adicional que o 7 e o Vista possuem para o manejo de processadores com vários núcleos, e esse mesmo código fará com que os dois sejam mais rápidos que o XP conforme aumente o número de “cores”.

Além disso, o Windows 7 é classificado como beta, ou seja, várias coisas podem ser melhoradas até o lançamento da versão final. Mas, por enquanto, quem quer velocidade deve usar o XP.

Fonte: http://www.geek.com.br/blogs/832697659/posts/9039-testes-entre-windows-7-vista-e-xp-declaram-o-xp-como-vencedor

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Vista SP2: Microsoft adia pacote de atualizações do Windows, diz TechARP

Site informa que pacote de atualizações do Vista, previsto para abril, chegará a fabricantes de PCs entre maio e junho deste ano.

A Microsoft vai atrasar o lançamento do pacote de atualizações Service Pack 2 (SP2) do Windows Vista em pelo menos um mês e deve enviá-lo a fabricantes de PCs entre maio e junho, informa o site TechARP.com nesta quarta-feira (21/01).

A versão final de testes (Release Candidate) do Vista SP2 também será adiada para abril, de acordo com o TechARP.com, um mês após o previsto. Além disso, a empresa deve enviar o pacote de atualizações para os parceiros de OEM (Original Equipment Manufacturer) e para o varejo na segunda metade de 2009, não mais em abril.

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/computacao_pessoal/2009/01/21/vista-sp2-microsoft-adia-pacote-de-atualizacoes-do-windows-diz-techarp/